Preencha os campos abaixo para submeter seu pedido de música:

Senado renova 54 cadeiras, com apenas 8 reeleitos - Pássaro da Ilha FM 103,3 » Todo mundo, tá ligado!

Fale conosco via Whatsapp: +55 35 992600800

No comando: Madrugada 103

Das 01:00 às 04:59

No comando: Sertanejo Bom Demais

Das 05:00 às 07:59

No comando: Domingão Sertanejo

Das 05:00 às 19:59

No comando: Sábadaço

Das 08:00 às 10:59

No comando: Alô Bom Dia

Das 08:00 às 11:59

No comando: Programa Expresso

Das 11:00 às 13:59

No comando: Tá Ligado!

Das 12:00 às 15:59

No comando: Sábadaço

Das 14:00 às 18:59

No comando: Show da Tarde

Das 16:00 às 17:59

No comando: Mensagem de Fé

Das 18:00 às 18:10

No comando: Sertanejão 103

Das 18:11 às 18:59

No comando: A Voz do Brasil

Das 19:00 às 19:59

No comando: Parada 103

Das 20:00 às 20:59

No comando: Programação Musical

Das 20:00 às 21:59

No comando: Birds Night

Das 20:00 às 22:59

No comando: Planet Parede

Das 21:00 às 21:59

No comando: Classe A

Das 22:00 às 22:59

No comando: Flash Night

Das 23:00 às 23:59

No comando: Programa Luis Alberto

Das 23:00 às 23:59

Senado renova 54 cadeiras, com apenas 8 reeleitos

Das 54 vagas em disputa no Senado federal, 46 serão ocupadas por novos senadores. Apenas OITO parlamentares foram reeleitos.

O índice de renovação atingiu 85% do total de vagas, um dos maiores da história.

Na verdade, nem todos são, exatamente, caras novas, mas políticos que já cumpriram mandatos anteriores numa das duas casas do Congresso Nacional.

Entre os eleitos, 22 são nomes conhecidos da Câmara dos Deputados, como Major Olímpio (PSL-SP) e Jaques Wagner (PT-BA).

Outros QUATRO já tiveram mandato de senador: Espiridião Amim (PP-SC), Flávio Arns (Rede-PR); Jarbas Vasconcelos (MDB-PE) e Jayme Campos (DEM-MT).

Novos mesmo, são apenas 20 rostos, que nunca passaram pelo legislativo federal.

Leila do Vôlei (PSB-DF), juíza Selma Arruda (PSL-MT) e o jornalista Carlos Vianna (PHS-MG) são alguns dos que debutam na política.

Na lista dos novatos eleitos, figuram 13 nomes que ocuparam outros cargos públicos, como prefeito, deputado estadual, governador; ou delegado.

 

fonte: rádio 2

Deixe seu comentário:

Curta no Facebook