Preencha os campos abaixo para submeter seu pedido de música:

Dólar em alta faz preços aumentaram até nos supermercados brasileiros - Pássaro da Ilha FM 103,3 » Todo mundo, tá ligado!


No comando: Madrugada 103

Das 01:00 às 04:59

No comando: Sertanejo Bom Demais

Das 05:00 às 07:59

No comando: Domingão Sertanejo

Das 05:00 às 19:59

No comando: Sábadaço

Das 08:00 às 10:59

No comando: Alô Bom Dia

Das 08:00 às 11:59

No comando: Programa Expresso

Das 11:00 às 12:59

No comando: Tá Ligado!

Das 12:00 às 15:59

No comando: Sábadaço

Das 13:00 às 18:59

No comando: Show da Tarde

Das 16:00 às 17:59

No comando: Mensagem de Fé

Das 18:00 às 18:10

No comando: Sertanejão 103

Das 18:11 às 18:59

No comando: A Voz do Brasil

Das 19:00 às 19:59

No comando: Parada 103

Das 20:00 às 20:59

No comando: Programação Musical

Das 20:00 às 21:59

No comando: Birds Night

Das 20:00 às 22:59

No comando: Planet Parede

Das 21:00 às 21:59

No comando: Classe A

Das 22:00 às 22:59

No comando: Flash Night

Das 23:00 às 23:59

No comando: Programa Luis Alberto

Das 23:00 às 23:59

Dólar em alta faz preços aumentaram até nos supermercados brasileiros

Quem não vai viajar pra fora do País e por isso acha que não tem nada a ver com a cotação do dólar está bastante enganado.

A alta da moeda americana, que chegou a valer mais de quatro reais, nos últimos dias, teve impacto direto nos preços cobrados nos supermercados.

Pesquisa da associação paulista do setor, a Apas, mostrou que, em setembro, os valores no geral subiram 0,37 por cento.

E que a alta foi puxada, principalmente, por itens importados ou cujas matérias-primas são commodities, como açúcar, soja e trigo.

Produtos com o preço diretamente ligado ao dólar.

As massas, por exemplo, ficaram cerca de três por cento mais caras.

E biscoitos e itens de limpeza, quase dois por cento.

Já entre as bebidas, os vinhos, muitos deles importados, subiram em média mais de quatro por cento.

Por fim, a Apas avaliou que os preços, no geral, só não avançaram mais porque alguns alimentos ficaram mais baratos.

Por exemplo: cebola e batata, cuja oferta no campo cresceu.

Assim como o leite, que pode ficar ainda mais em conta, uma vez que a volta da chuva normalmente melhora os pastos e aumenta a produção.

Fonte: rádio 2

Deixe seu comentário:

Curta no Facebook